Evangelismo

“Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.” (Mc. 16: 15)

Evangelismo é a promulgação do Evangelho de Cristo, a disseminação da Palavra de Deus.
 
Evangelismo é o ato e a missão do evangelista.
 
Evangelização é amais nobre missão do cristão. Evangelizar é tarefa de responsabilidade, não é por vontade ou escolha própria, isso nos foi ordenado. A assim chamada grande Comissão aparece cinco vezes na Bíblia, mas estou certo de que Jesus repetiu muitas vezes esta ordem. – Estamos sob comando!
 
Quando lemos o livro de Atos dos Apóstolos, percebemos que a igreja apostólica envolveu-se com amor, ousadia e poder na obra de evangelização, a ponto de em poucas décadas ter revolucionado o império romano com a Mensagem de Cristo.
 
A evangelização da Igreja primitiva era um estilo de vida dos crentes e não atividade esporádica ou exclusiva dos ministros. Quando os discípulos saíram de Jerusalém por causa da terrível perseguição, eles iam por toda a parte anunciando a fé em Jesus Cristo, e muitas igrejas foram fundadas pelo testemunho dos crentes. (Atos 8:4-5; 11; 19-22).
 
A prioridade dos apóstolos era a oração e o ministério da Palavra (Atos 6: 2,4). Essa prioridade, aliás,foi mantida pelos missionários Barnabé e Paulo. Estes onde chegavam não apenas anunciavam a salvação em Cristo, mas dedicavam-se também ao ensino para edificação e crescimento espiritual dos crentes (Atos 13:1; 15:35; 18;11; 28:31), sem omitirem a oração.
 
A prioridade missionária era outro fato importante. O Espírito se encarregou de enviar homens para percorrerem todo o mundo conhecido de então, levando a mensagem do Evangelho (Atos 13: 1-3). Isto é Cristianismo.
 
Evangelista “Bola de fogo”
 
O legítimo evangelista “vive” até morrer.
 
O evangelista prefere desgastar-se a enferrujar-se. Ele é uma “bola de fogo”. Ele deixa toda a sua força no púlpito e prega a Mensagem do Calvário até que a morte o separe.
 
“Se Deus me guardar e me restar um pouco de vida, quero gastar cada parte do meu corpo para Cristo. Agora estou débil e cansado [...] eu simplesmente te rogo, por minha própria força. Me ajudarás? Me fortalecerás?” Mensagem: A serpente ferida; parág. 52, 182.
 
Em outra ocasião, com um profundo sentimento evangelístico, o profeta desta Era expressou:
 
O Evangelista é uma “bola de fogo” a serviço do Senhor.
 
“Eu quero segurar a tocha [...] eu quero viver cada momento da minha vida como se eu estivesse esperando por Ele no próximo minuto, porém, quero trabalhar como se fosse daqui a dez mil anos. Eu ainda quero semear as sementes e fazer a colheita. Eu quero pregar o Evangelho e trabalhar como sempre fiz.” Mensagem: Perguntas e Respostas Nº 15.
 
“Pai, ajuda-me a levar estes tições adiante. Eu posso vê-los, Senhor, lá na frente. Olhar para a Índia, e ver os leprosos nos portões, e aquelas pobres coisas se arrastando no chão, sem pés. Ver aqueles pobres meninos negros lá na África com as mãos estendidas. Ó Deus, envia-me, Senhor!” Mensagem: Um Super Sinal.
 
“Se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois me é imposta essa obrigação. Ai de mim, se eu não anunciar o evangelho!” (I Co. 9:16)
Deus vos abençoe!
 
 

Fragmento de texto retirado do capítulo 26, intitulado “Evangelismo”, do livro Interrogação II, do Pr. Eliézer Ribeiro.
Categoria:Artigos